Pages

Sunday, April 29, 2007

Um corpo cheio de Vida

Para as aulas do 1ºano:


Os alunos devem completar as frases, copiando as palavras que faltam.

in "Somos Amigos"
1ºano do Ensino Básico de EMRC

Os seis passos

Friday, April 27, 2007

Sementinha


Era uma pequena semente que foi lançada à terra. Que estranho lugar aquele! Era frio, escuro, não se via nada nem ninguém. Mas, passado algum tempo, a semente começou a sentir que a terra aquecia. O sol, seu amigo, poisava sobre ela os seus raios. Era bom sentir o calor! Outras vezes, o sol dava lugar à nuvem que ao passar deixava cair gotas de água para a refrescar. A semente achava que ia ficar diferente. Começou a espreitar e, lentamente, foi saindo da terra.Olhou para si e viu-se vestida de folhinhas verdes. Olhou à sua volta e viu flores de todas as cores e borboletas bailando sobre elas. O chilrear dos pássaros anunciava que chegara a Primavera. A vida nova enchia a terra inteira. O sol adormecia mais tarde e dava brilho a todas as coisas. O céu era muito azul e os pássaros voavam livremente. As rãs saltavam nos riachos e os grilos cantavam o dia todo. A transformação da semente ia sendo cada vez maior. Foi crescendo, crescendo, até que um dia se tornou numa grande árvore. A brisa passava e sacudia ternamente as suas folhas. Os pássaros encontravam ali o seu abrigo e os caminhantes refrescavam-se com a sua sombra e os seus frutos.As crianças brincavam e, quando estavam cansadas, encostavam-se ao seu tronco.

Se aquela semente não tivesse caído à terra, nunca chegaria a ser árvore!


Friday, April 06, 2007

Crucificação de Jesus

Pôncio Pilatos perguntou a Jesus se era Filho de Deus e Ele respondeu que sim. O governador achava que Jesus não tinha feito nada de mal e queria deixá-lO em liberdade, mas os sumos sacerdotes desejavam que morresse. Pilatos entregou Jesus seguindo as instruções dos sacerdotes, que O condenaram à morte. Jesus morreu crucificado no Calvário, um montículo dos arredores da cidade de Jerusalém.

Thursday, April 05, 2007

A última ceia


Jesus sabia que em breve morreria e desejava celebrar a última festa de Páscoa com os discípulos; estava triste e os discípulos não sabiam o que se passava. Jesus incitava-os a amarem-se uns aos outros como Ele os tinha amado. Durante a ceia, comeram pão e beberam vinho, e Jesus pediu-lhes que, sempre que se reunissem na Páscoa, se lembrassem d'Ele.